Corinthians abre 2x0, mas Flamengo empata e nos pênaltis conquista o título da Copa São Paulo de Futebol Júnior

22:15 0 Comments A+ a-


Na manhã desta segunda-feira tivemos a final da Copa São Paulo de Futebol Júnior, a Copinha, e frente a frente as duas maiores torcidas do Brasil: Flamengo x Corinthians. O Timão, apoiado pela torcida no Pacaembu abriu 2x0 de vantagem no primeiro tempo, mas numa reação brilhante, o Flamengo empatou logo no início da segunda etapa. Com o placar igual, a disputa foi para os pênaltis e melhor para os rubro-negros que venceram por 4x3 conquistando o Tricampeonato do Torneio.

O começo da partida foi morno, porém com o passar do tempo o Corinthians começou a propor o jogo, e o resultado desse domínio foi a vantagem de 2x0 adquirida ao longo do primeiro tempo, gols marcados por Matheus Pereira e Gabriel Vasconcelos. Contudo, o início do segundo tempo foi o oposto, o Flamengo começou atacando como rolo compressor e marcou três gols logo nos primeiros sete minutos da metade final da partida, sendo que um deles, marcado por Lucas Paquetá, foi anulado por impedimento assinalado de forma errada. Os gols válidos foram de Trindade e Matheus.


Depois da súbita reação o jogo ficou mais parelho, entretanto na metade final do segundo tempo o Corinthians voltou a ser mais agressivo, tendo maior posse de bola. O Flamengo tentava um contra-ataque, porém na maioria das vezes onde conseguia uma bola enfiada ou uma boa jogada o lance era parado por impedimento. Como nenhuma das duas equipes conseguiu marcar, a decisão foi para os pênaltis.

Chegou o melhor momento para os goleiros, posição mais difícil de atuar no futebol, onde se sofrer o gol é normal e caso defenda e ganhe é tido como herói. As primeiras duas cobranças de cada time foram convertidas em gol. Dawhan do Corinthians marcou o terceiro, porém Kléber, do Flamengo, chutou para defesa de Felipe errou. Porém nas cobranças seguinte, Matheus tentou cavadinha e mandou por cima e Lucas Paquetá marcou, deixando tudo igual.

Melhores momentos da partida e a disputa de pênaltis:

A partir daí, Thiago defendeu o chute de Gabriel Vasconcelos, e foi o próximo cobrador do Flamengo, e se marcasse o time Carioca seria o campeão, contudo o arqueiro rubro-negro parou no goleiro corintiano, que alfinetou o adversário dizendo que goleiro não bate pênalti. Na cobrança seguinte, Thiago defendeu outro pênalti, este de Claudinho, retribuindo a provocação dizendo que se Felipe não pegasse, o Fla seria campeão (os dois goleiros receberam amarelo cada um após sua provocação). Dito e feito, Patrick (nome importante rs) marcou dando a vitória para o Flamengo.

O Corinthians mesmo com o vice ainda é o maior campeão, com nove título ao todo. Pelo lado rubro-negro, a conquista do torneio deste ano foi a terceira do clube carioca, que também levou o troféu em 1990 e 2011. Além disso, o Fla ainda quebrou a sequência de 5 títulos seguidos de clubes paulistas na Copinha.