Esportes da Olimpíada - Natação, nado sincronizado e maratona aquática, os esportes aquáticos

21:48 0 Comments A+ a-


A série sobre os esportes do programa olímpico segue e hoje é dia dos esportes aquáticos.

Os esportes aquáticos presentes são: a natação, o nado sincronizado, os saltos ornamentais e a maratona aquática. A natação, presente desde a primeira Olimpíada em 1896 é um dos esportes mais nobres dos jogos. O nado sincronizado, presente desde Los Angeles 1984 é restrito às mulheres e a maratona aquática foi introduzida nos jogos de Pequim 2008.

Natação:
A natação é um esporte completo pois reúne quatro estilos:
  • Crawl ou livre: é o estilo mais veloz;
  • Borboleta: o nadador gira os braços simultaneamente e flexiona o corpo para cima e para baixo simulando o movimento de um golfinho;
  • Peito: estilo mais lento pois os movimentos se assemelham aos de uma rã;
  • Costas: o nadador nada de costas da borda e se orienta pelo número de braçadas ou bandeirolas.
A piscina:


A piscina olímpica possui 50 metros de comprimento, 25 metros de largura e 2 metros de profundidade. As piscinas são divididas em 8 raias de 2,5 m de comprimento entre elas e a largada na maioria das vezes é feita em blocos de partida, exceto no nado de costas e os nadadores só podem mergulhar após o tiro de partida, caso um deles inicia antes que os demais é desclassificado automaticamente.

Os uniformes:

Para os homens bermudas especiais feitas de materiais resistentes e para as mulheres maiôs do mesmo material. Touca e óculos são acessórios obrigatórios. Antes os supermaiôs tecnológicos garantiram muitos recordes, só que foram proibidos a partir de 2010. Esses uniformes faziam com que o corpo tivesse menos atrito com a água garantindo milésimos de tempo preciosos.

Provas olímpicas:
  • Nado livre: 50, 100, 200, 400, 800 (apenas para mulheres) e 1500 metros (apenas para homens)
  • Nado costas, peito e borboleta: 100 e 200
  • Medley (prova com os quatro estilos): 200 e 400
  • Revezamentos: 4 x 100 e 4 x 200 livre e 4 x 100 medley.
Nado Sicronizado:


O nado sincronizado que é uma espécie de balé debaixo d'água reúne elementos de natação e ginástica e consiste na execução de rotinas sincronizadas dentro da piscina acompanhados de música.

Modalidades: dueto e equipes:


A maratona aquática é disputada em águas abertas ou disputadas em alto mar. Nas primeiras edições dos Jogos Olímpicos as provas de natação eram disputadas em águas abertas. Nas Olimpíadas desde Pequim são disputadas na distância de 10 quilômetros.

Os locais de competição:


O Estádio Aquático no Parque Olímpico da Barra tem sua estrutura totalmente temporária e após os jogos será desmontada. Com uma piscina de aquecimento e outra de competição a instalação foi testada em abril durante a seletiva olímpica e teve problemas na energia que fez com que o complexo ficasse meia hora sem luz. As provas de nado sincronizado serão no Parque Aquático Maria Lenk, inaugurado no Pan de 2007 e passou por pequena reforma para sediar também as competições de saltos ornamentais e a disputa da maratona aquática acontecerá no Forte de Copacabana, localizado nos extremos da praia de Copacabana.

O Brasil nos jogos:



Nas Olimpíadas do Rio o Brasil terá o seu recorde de atletas: 33. A grande ausência será Cesar Cielo, campeão olímpico nos 50 m em Pequim e que não obteve o índice na seletiva de abril. A prova mais rápida da natação terá como representantes Bruno Fratus e Ítalo Duarte. Thiago Pereira, prata nos 400 m medley em Londres vai pra sua quarta Olimpíada. Entre as mulheres o país pode conquistar uma medalha inédita com Etiene Medeiros que foi absolvida recentemente de doping e que competirá em quatro provas. No nado sincronizado o país competirá no dueto e por equipes onde as gêmeas Bia e Branca Feres fazem parte. Na maratona aquática nossas chances de medalha estão bem cotadas na prova feminina com Ana Marcela Cunha e Poliana Okimoto, campeãs mundiais e no masculino com Allan do Carmo.

O astro:


Maior medalhista olímpico em todos os tempos o americano Michael Phelps voltou atrás na decisão de se aposentar e voltou a competir se classificando nas seletivas americanas. Com 18 medalhas de ouro e 22 no total o homem peixe vem ao Brasil para se despedir competindo em sua quinta e última Olimpíada. A natação americana ainda tem astros como Ryan Lochte, Missy Franklin e a fenomenal Katie Ledecky, detentora de 11 recordes mundiais. Outros astros que virão ao Brasil são o francês Florent Manadou, o sul africano Chad le Clos e nomes da nova geração como Adam Peaty e Cameron McEvoy.