Bolt é tri nos 200 m e Brasil conquista duas medalhas nas águas

23:09 0 Comments A+ a-


A quinta feira do Brasil na Olimpíada foi de festa para mais duas medalhas vindas da água.

Ouro na vela com mais um Grael:

A terceira geração da família Grael voltou a escrever o nome na história olímpica brasileira. Depois de Torben e Lars, o ouro da vez veio com Martine Grael que ao lado da parceira Kahena Kunze fez uma prova perfeita e levou a medalha de ouro na medal race da 49er FX com dois segundos de vantagem sobre a Nova Zelândia. Não é à toa que as duas foram campeãs mundiais e dominam o ranking na classe. A vela do Brasil não poderia passar em branco e foi com essas duas moças que conhecem como ninguem a Baía de Guanabara que o Brasil conqusitou sua quarta medalha de ouro na Olimpíada. A vela é o esporte que o Brasil conquistou mais medalhas de ouro na história com sete.

Mais uma medalha para o fenomenal Isaquias Queiroz:


Isaquias Queiroz segue fazendo história e na manhã de hoje ele conquistou sua segunda medalha nesta Olimpíada. Na prova do C1 200 m ele largou mal e na base da força e da determinação arrancou para a medalha de bronze. Com esta medalha ele se torna o quinto atleta brasileiro a subir duas vezes numa mesma edição de Olimpíada, mas pensa que parou por aí? Amanhã ele volta para ao lado de Erlon Souza buscar mais uma medalha, agora no C2 1000 m.

Bolt é tricampeão nos 200 metros:


Usain Bolt de novo faz história. O jamaicano venceu os 200 m pela terceira vez e apesar da chuva conquistou seu oitavo ouro olímpico, mas sem recorde mundial.