Decisões definidas no basquete e handebol e o dia do Brasil na reta final da Olimpíada


A sexta feira foi de definições nos torneios de esportes coletivos e resultados decepcionantes do Brasil.

O desempenho dos demais brasileiros:
  • Yane Marques não conseguiu repetir o desempenho que a levou para a medalha em Londres e ficou na 23ª posição no pentatlo moderno feminino. A brasileira não foi bem na esgrima e teve resultados irregulares nas outras provas.
  • Na plataforma de 10 m Hugo Parisi avançou à semifinal com o 13º lugar.
  • No golfe Mirian Nagl subiu para o 54º lugar geral e Victoria Lovelady está em 57º. Neste sábado o torneio termina com a volta final.
  • O hipismo ficou sem medalhas no torneio individual. O melhor brasileiro foi Álvaro de Miranda Netto, o Doda que terminou na nona colocação. Pedro Veniss foi o 16º colocado.
  • No nado sincronizado a equipe brasileira repetiu o sexto lugar e fechou na mesma colocação.
  • A seleção feminina de polo aquático ficou na oitava colocação ao perder para a China por 10 x 5.

  • O Brasil conseguiu classificação na final do revezamento 4 x 400 devido à desclassificação da Grã Bretanha e ficou com o oitavo tempo. Na marcha atlética 50 km o melhor brasileiro foi Caio Bonfim que foi o oitavo colocado, Jonathan Rieckmann foi o 28º e Mário José dos Santos não terminou a prova. Na marcha atlética feminina de 20 km a brasileira Erica Sena foi a sétima colocada e Cislane Lopes foi a 49ª colocada. Na final do arremesso de peso Wagner Domingos ficou na 12ª colocação.
  • Na ginástica rítmica Natália Gaudio ficou em 23º lugar e não foi para a final do individual geral.
  • No ciclismo BMX a brasileira Priscila Carnaval foi a última colocada em sua série e não chegou à semifinal.
  • A final do handebol masculino será entre Dinamarca e França. Os dinamarqueses venceram na prorrogação a Polônia por 29 x 28 e a França bateu a Alemanha por 29 a 28 e vai tentar o tricampeonato olímpico.
EUA e Sérvia decidem o Ouro no basquete:


A seleção americana de basquete masculino confirmou o favoritismo e passou pela Espanha na semifinal vencendo o jogo de forma apertada: 82 x 76. O adversário na decisão será o time da Sérvia que atropelou a Austrália por 87 x 61. A partida será no domingo e é o último evento da Olimpíada.

Related Articles

0 comentários:

Postar um comentário