Esportes da Olimpíada - Taekwondo


A série sobre os esportes olímpicos prossegue com o taekwondo.

Arte marcial criada e desenvolvida na Coreia o taekwondo significa "caminho dos pés e das mãos". O esporte faz parte do programa desde os jogos de Sydney e aqui as armas são braços e pernas. As lutas são garantia de chutes precisos e poderosos cheios de plasticidade.

As lutas são disputadas em três rounds que tem duração de dois minutos com um minuto de intervalo entre eles. O objetivo é acertar o oponente nas áreas vermelhas e azuis e cada golpe vale um ponto. Se o atleta conseguir encaixar um giratório vale dois pontos e se o chute for na cabeça vale três pontos ou quatro se for giratório. Um atleta pode vencer o combate em quatro maneiras: pela soma do maior número de pontos, nocaute no oponente, atingindo uma diferença de 12 pontos e desclassificação do adversário.

Nas lutas é proibido usar o joelho, empurrar, segurar, bater abaixo da cintura e acertar o adversário caído no chão. Essas infrações são passíveis e poem ocasionar em punições.

O local de competições:


A Arena Carioca 3 no parque Olímpico será o palco das lutas da modalidade e após a Olimpíada será um ginásio experimental olímpico que vai atender 850 crianças.

O Brasil nos jogos:


Na história olímpica brasileira o país tem uma medalha: bronze com Natália Falavigna nos jogos de Pequim em 2008. Na edição de 2016 o pais terá quatro representantes: Maicon Siqueira (categoria acima de 80 kg) e Venilton Teixeira (até 58 kg) e entre as mulheres as representantes serão Iris Sing (até 49 kg) e Júlia Vasconcelos (até 57 kg).

Related Articles

0 comentários:

Postar um comentário