Ouro inédito para o campeão de TUDO

20:00 0 Comments A+ a-


Sentimento de revanche. Sonho do ouro inédito. Antecedentes positivos e negativos. Histórias distintas que se encontram. Nove Copas do Mundo. Nada melhor para abrigar isso tudo do que o Templo do futebol, o Maracanã. Brasil x Alemanha se enfrentavam na final dos Jogos Olímpicos, numa partida onde haviam mais ingredientes presentes do que apenas o ouro. Duas seleções gigantes buscando um título até então inédito para ambos. Além disso, não podemos deixar para traz o fatídico 7x1, também ocorrido em solo brasileiro.

Neymar, uma figura simbólica e protagonista do jogo. Ausente no 7x1, o camisa 10 brasileiro foi muito criticado no início do torneio, mas foi evoluindo junto com o time durante a competição. Na final, indicou durante a comemoração que se estivesse “aqui” a dois anos atrás o resultado poderia ser diferente. Abriu o placar com um golaço de falta, mostrando ser decisivo e não pipoqueiro. A vitória simples estava dando Ouro, mas Meyer tratou de deixar as coisas mais emocionantes. Destaque também para as traves que salvaram o Brasil inúmeras vezes.


Prorrogação sem gols e nos pênaltis um novo destaque. Weverton um dos três jogadores acima dos 23 anos foi convocado às pressas com a lesão de Prass. Quis o destino que ele se tornasse herói defendendo o pênalti de Petersen, o único não convertido. Vitória por 5x4 nas penalidades, festa no Maracanã, festa no Rio de Janeiro, festa no Brasil inteiro. O ouro sonhado veio, dentro de nossa própria casa!


Ainda temos que melhorar muito, contudo devemos comemora esta conquista. Esta pode ser o início da volta do Brasil como o País de Futebol. Hoje podemos bater no peito e dizer: “Somo pentacampeões mundiais e ganhamos tudo que era possível”.