Tensão, sufoco e emoção marcam empate vitorioso do Botafogo


Após a alteração no formato da Libertadores, a fase conhecida como "pré" foi subdividida em outras, e na segunda delas Botafogo x Colo Colo fizeram um confronto para definir quais das duas equipes passariam adiante na competição. Na partida de ida, o Fogão foi dominante em boa parte do jogo, chegando a abrir 2x0 tendo total controle da partida, contudo num desvio acidental no chute de Parede,s o time chileno descontou a cresceu na partida quase empatando o confronto. Final 2x1, com este gol fora de casa podendo decidir o confronto, e quase foi assim.

No jogo de volta, logo no início com um erro bobo na área botafoguense o Colo Colo abriu o placar e como havia marcado fora de casa ia avançado de fase. O panorama do jogo mudou totalmente, com uma formação voltada para o contra-ataque, o time Carioca teve que alterar totalmente sua estratégia, enquanto que o time chileno restava segurar a vantagem por muito tempo, usando todos os meios possíveis, inclusive a catimba. Após o gol, o jogo ficou equilibrado com o Colo Colo criando algumas chances e o Botafogo com um pouco mais de dificuldade na construção de jogadas.

Na segunda etapa, o dedo do técnico fez a diferença. O Botafogo voltou mais perigosos, contudo errando alguns lances infantis que poderia ter prejudicado a equipe posteriormente. Mas num contra-ataque (ironia pois esta era a estratégia para o jogo, antes de começar perdendo), o que mostra que o Colo Colo estavam buscando o gol e tentando segurar a posse de bola, o Botafogo empatou com Rodrigo Pimpão, numa bela jogada com trocas de passes, com participação de Rodrigo Lindoso e Guilherme (que haviam entrado), botando fogo literalmente no duelo.


Depois do gol o goleiro alvinegro Gatito caiu após ser atingido por um objeto que veio das arquibancadas (vergonha isso acontecer ainda). Bebendo do próprio mal, os chilenos acreditando ser uma catimba, tumultuaram a partida o que justificou os sete minutos de acréscimos, contudo de nada adiantou e segurando bem a pressão e criando jogadas (não aproveitadas) para matar o confronto, o Glorioso garantiu a classificação. Agora na terceira fase o clube carioca terá pela frente Independiente del Valle/Olimpia. 


Millonarios 1(2)x(4)1 Atlético-PR

Se a emoção não foi suficiente na partida citada acima, temos também o Atlético-PR que jogava pela mesma fase.  Após vencer no primeiro o Millonarios por 1x0, no jogo de volta o Furacão perdeu pelo mesmo placar. Como previa o regulamento: Disputa por pênaltis. Mesmo jogando em território inimigo Weverton e o travessão ajudaram se destacaram, e o time paranaense venceu por 4x2 nas penalidades. Na próxima fase o Atlético enfrentará Deportivo Capiatá/Universitário.

Related Articles

0 comentários:

Postar um comentário