Pré-temporadas de clubes brasileiros mais próximas do padrão europeu. Isso é bom?


A temporada do futebol brasileiro está começando e estamos vendo um novo tipo de preparação. Além de terem mais tempo, vemos vários amistosos e torneios, dentre os quais podemos destacar a Flórida Cup, o tour do Shakhtar pelo Brasil e o torneio Super Series. Esse modelo de preparação nos lembra muito ao Europeu, e decidi fazer este post para comparar ambas pré-temporadas.

A Flórida Cup 2015 é um torneio amistoso disputado por Corinthians, Fluminense, Colonia e Bayer Leverkusen no esquema de pontos corridos, sem confronto de equipes do mesmo país. O campeão foi o Colonia, seguido pelo Bayer, Corinthians e Fluminense. O tour do Shakhtar pelo Brasil foram jogos amistosos, nos quais o Shakhtar perdeu para o Bahia por 3x2, para o Atlético-MG por 4x2, empatou com o Flamengo em 0x0 e venceu o Internacional por 2x1. Enquanto o Super Series é um triangular disputado em Manaus por Vasco, São Paulo e o Flamengo.



Com esse novos torneios podemos ver uma melhor organização da pré-temporada. Abaixo você confere a comparação entre as temporadas dos clubes europeus e dos clubes brasileiros. Logo após, a opinião de especialistas em relação a esse assunto (retirados de Lance!Net).

Pré-temporada 2014 dos principais clubes brasileiros:
Cruzeiro (19 dias); Botafogo e Palmeiras (15 dias); Atlético-MG e São Paulo (13 dias); Corinthians e Vasco (12 dias); Flamengo e Grêmio (11 dias); Fluminense e Internacional (10 dias) e Santos (9 dias). Esse ano, teremos no Brasil 25 dias de pré-temporada. (clique aqui e confira o calendário completo do Futebol Brasileiro nesse ano).

Pré-temporada 2014/2015 dos principais clubes europeus:
Inter de Milão (53 dias), Milan (52 dias); Juventus (48 dias), Liverpool (41 dias); Barcelona (40 dias); Borussia Dortmund (39 dias); Manchester United (37 dias); Bayern de Munique e Chelsea (35 dias); Manchester City (34 dias); Arsenal (33 dias) e Real Madrid (30 dias).

Vemos com esses dados a diferença de preparação entre as equipes. Observamos também que o time com mais dias de preparação no Brasil, o Cruzeiro, teve um ano espetacular, pois além de ter um grande time, teve tempo para se readaptar e treinar (essa regra não vale sozinha). 


Antônio Mello, preparador físico do Flamengo:


"A pré-temporada na Europa dura de 35 a 45 dias. Você tem tempo suficiente para estabelecer uma meta no treinamento. Você pode trabalhar as qualidades físicas de acordo com a necessidade do grupo e até individualmente, buscando no passo a passo o ganho do condicionamento pelo processo mais adequado possível. No Brasil, você tem normalmente no máximo de 15 dias. É completamente inadequado iniciar um campeonato com tanta solicitação como o nosso. Na Europa, os times que vão para a fase final da Liga dos Campeões chegam a 58, 60 jogos. No Brasil, os times de ponta fazem 80. Muita diferença.
Esse é um ano atípico. Nenhum profissional hoje pode reclamar que não teve tempo suficiente. O meio desse ano foi sensacional, pois deu ao preparador físico um mês de trabalho de trabalho para retomar esse segundo semestre. Mas é uma caso isolado, proporcionado pela Copa do Mundo.
A adequação do calendário brasileiro ao dos principais países da Europa é a briga de todos os preparadores físicos que estão no futebol brasileiro. Seria excelente. Você teria tempo de preparação, poderia viajar para fazer jogos amistosos e deslocar a equipe para determinados lugares, por exemplo. Mas a nossa temporada teria que ser reduzida. Não poderíamos jogar Estadual, Copa do Brasil, Campeonato Brasileiro, Libertadores e Mundial...É muito pesado.
Sem o tempo ideal, nós (comissão do técnico Vanderlei Luxemburgo) esticamos a pré-temporada, jogando com times mistos nos primeiros jogos. Assim, trabalhamos pelo menos mais duas semanas em ritmo de treinos, mesclando o time."

Amir Somoggi - Academia Lance! Consultor de marketing esportivo e gestão esportiva:


"A pré-temporada é estratégica. Os clubes fazem excursões e se puderem vão até para mais de um lugar na pré-temporada. É muito lucrativo porque ativa o marketing e usa muito o apoio dos patrocinadores, que também estão envolvidos. Por exemplo, o Real Madrid pode ganhar até 15, 20 milhões (de euros) em uma pré-temporada.Ganha muito também com o fortalecimento esportivo e de marketing. Os clubes brasileiros estão perdendo muito em não fazer pré-temporadas longas. Mas existem dificuldades também. Pelo calendário é muito difícil. A pré-temporada dos clubes europeus é no verão europeu, nosso inverno, com o Brasileirão a todo vapor. Infelizmente com o nosso calendário sem uma parada é complicado. Os clubes brasileiros deveriam tentar conseguir uma pausa. No calendário brasileiro tem a pausa em janeiro, mas não podem jogar contra os clubes europeus, que estão no meio da temporada."

Com tantos benefícios, esperamos que as pré-temporadas dos clubes brasileiros continuem assim, e melhorando a cada ano a fim de vermos um futebol cada vez melhor!

Share this:

ABOUT THE AUTHOR

Ceyron Louis

Hello We are OddThemes, Our name came from the fact that we are UNIQUE. We specialize in designing premium looking fully customizable highly responsive blogger templates. We at OddThemes do carry a philosophy that: Nothing Is Impossible

    Blogger Comment
    Facebook Comment

6 comentários:

  1. Acho muito bacana do ponto de vista do marketing, e principalmente da preparação em si. Uma pré-temporada nesses moldes ajuda a fugir das percepções geralmente erradas provocadas pelo verdadeiro engana bobo que são nossos estaduais.

    Abraços.
    www.dilemascotidianos.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bruno Mello Souza,

      Concordo, enfrentando equipes de mesmo nível, podemos ver o que os times tem a oferecer. Além disso, com maior tempo de preparação, esperamos um melhor futebol este ano.

      Abraços.

      Excluir
  2. Eu acho bom, e espero que o São Paulo ganhe.

    Já coloquei seu link na minha página de parceiros 'Clubes Irmãos' ! Ficou muito bom esse template, valeu. abs .....

    ResponderExcluir
  3. Boas...

    Caro Patrick, visto que os clubes brasileiros têm uma época longa com estaduais e campeonato, só vão beneficiar na sua condição fisica e táctica se tiverem mais tempo de preparação.
    Jogar fora do continente Americano só favorece, já que são "obrigados" a flexibilizar o seu esquema de jogo e com isso aumentam a sua própria versatibilidade futebolistica.

    Abraço

    Mattos...paixaodabola.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mattos,

      O calendário brasileiro é muito longo, e para terem uma maior tempo de descanso eles diminuem o tempo de preparação. Porém é um tiro no pé. Quanto mais partidas amistosas jogarem, principalmente com equipes de outros lugares (sendo que equipes europeias é mais complicadas) maior será o desenvolvimento técnico e tático.

      Abraços.

      Excluir